«Há uma necessidade urgente de digitalização da gestão de pessoas» – PHC Portugal

27.09.22

Gestão de Pessoas: Boas Práticas Apoiadas em Tecnologia

Evento Híbrido e Gratuito

«Há uma necessidade urgente de digitalização da gestão de pessoas»

Longe de ser um departamento exclusivamente dedicado à gestão administrativa, as exigências atuais são mais elevadas em termos de gestão de pessoas.. Para explicar as novas necessidades do mercado, falámos com Luís Antunes, consultor de gestão de pessoas na PHC Software.
«Há uma necessidade urgente de digitalização da gestão de pessoas»

O mundo da gestão de pessoas é hoje um desafio.

Longe de ser um departamento exclusivamente dedicado à gestão administrativa, as exigências atuais são mais elevadas em termos de gestão de pessoas, em comparação com o passado recente, um facto que exige uma maior disponibilidade. Para explicar as novas necessidades do mercado, falámos com Luís Antunes, consultor de gestão de pessoas na PHC Software.

Ele não tem dúvidas da importância que a gestão de pessoas tem hoje no dia a dia das empresas: “Atualmente, a gestão de pessoas ocupa o lugar que realmente merece dentro das empresas, razão pela qual os departamentos de recursos humanos estão cada vez mais envolvidos nos conselhos de administração.”

O mundo está a viver uma revolução laboral, a flexibilidade está a substituir os modelos de trabalho tradicionais devido às exigência do mercado, um facto que coloca as pessoas no centro das organizações, transformando-se num dos mais valiosos bens empresariais.

Os líderes têm hoje novos desafios que exigem respostas mais eficientes e adaptadas à realidade, com o objetivo de aumentar o performance das empresas. 

luis-antunes.png

 

“A  era digital acelerou a mudança de paradigma e a pandemia provocou a urgência e a digitalização obrigatória das empresas, a começar pelos processos de recursos humanos.»

Luís Antunes, consultor de gestão de pessoas PHC Software

 

É por esta razão, segundo Luís Antunes, que nos últimos anos “a função dos recursos humanos evoluiu de um papel muito centrado na gestão administrativa para um papel de liderança e factor inequívoco do aumento da produtividade, bem-estar dos funcionários e desempenho global da empresa”.

Como é que tudo isto foi possível? Através da digitalização da gestão de pessoas.

Para além de fomentar o aumento da produtividade, a escassez de talento é outro factor em que a digitalização dos processos de gestão de pessoas pode ajudar… e muito. Tendo em conta os desafios que se colocam em termos de recrutamento, “a digitalização da gestão de pessoas não pode esperar, é urgente.” 

Os dados são optimistas. Segundo o estudo “Still transforming or already performing?”da Mercer, Portugal está na vanguarda europeia da transformação digital dos recursos humanos.

De acordo com o jornal online Eco, apenas 3% dos gestores de recursos humanos consideram que a transformação digital na empresa é responsabilidade do departamento de recursos humanos, apesar de 59% confirmar que a digitalização se encontra integrada na estratégia corporativa

No entanto, há ainda muito a fazer nesta matéria, uma vez que apenas 33% das empresas definiram um verdadeiro roteiro para a implementação da transformação digital do departamento de gestão de pessoas. 

Desafios para o futuro? Muitos

Com o modelo híbrido a reunir cada vez mais seguidores entre os líderes empresariais, e tendo em conta a crescente necessidade de alinhar equipas e objetivos, Luís Antunes destaca quatro grandes desafios que os departamentos de recursos humanos enfrentam:  

 

  • Captar e reter o talento na empresa;
  • Garantir o controlo e a organização do trabalho,
  • Tomar decisões mais rápidas e mais eficazes;
  • Reduzir a carga administrativa.

 

A digitalização traz um novo modelo de gestão integrada de pessoas, concebido para responder aos desafios que as organizações enfrentam e baseia-se em quatro pilares cruciais na jornada do colaborador employee journey – de uma empresa: 

 

  • Captação e recrutamento do talento;
  • Liderança e desenvolvimento;
  • Cultura e bem-estar, agilidade no trabalho;
  • Gestão administrativa.

O novo mundo da gestão de pessoas

Tendo a tecnologia analítica como ponto de partida, baseada em ferramentas de automação, controlo e monitorização, o novo modelo de gestão de pessoas envolve a utilização de dados para poder tomar as decisões certas na hora certa.

 É urgente digitalizar a gestão de pessoas? Sim. 

Luís Antunes não tem dúvidas e responde a esta pergunta com sete razões que tornam indiscutível a necessidade de investir neste tipo de solução:  

 

  1. Captar e reter o talento:

“O talento é escasso, há mais vagas do que candidatos em muitos setores de atividade. É por isso que precisamos de ter canais de employee branding e de comunicação onde o candidato possa de que forma o seu processo está a evoluir”.  

 

  1. Gerar uma boa experiência para o colaborador

A digitalização da gestão de pessoas já não é um nice to have e transformou-se num must have. É imperativo para que haja uma resposta ao paradigma que trouxe os novos modelos híbridos de trabalho: “A experiência dos funcionários só será boa se puderem gerir os seus procedimentos a partir de qualquer lugar ou dispositivo.” 

 

  1. Mais tempo e menos erros

Uma das grandes vantagens da digitalização da gestão de pessoas é a otimização dos recursos: “Se as equipas de recursos humanos forem pequenas, então não poderá haver tanta disponibilidade para tarefas administrativas e burocráticas. Ter um sistema que cuide destes processos representa uma economia de recursos que pode atingir os 90% e, assim, maior disponibilidade para poderem dedicar-se a outros objetivos.”

 

  1. Fazer mais com menos

Explica também que os benefícios da digitalização de departamentos de recursos humanos incluem a redução de tarefas administrativas e burocráticas, o que permite “fazer mais e investir em áreas que representam um maior retorno para a empresa. Por exemplo, ouvir os colaboradores ou desenvolvendo projetos que verdadeiramente impulsionam o engagement e a produtividade em áreas como cultura e valores, flexibilidade, bem-estar, entre muitas outras.”

 

  1. Controlo de processos

“Se há algo que a digitalização garante, é o controlo dos processos. Especialmente quando são os funcionários que fazem o processamento administrativo – self-service do colaborador – assumindo a própria marcação das faltas ou férias, por exemplo, com evidentes ganhos de tempo e de confiança empresarial.”

 

  1. Sistema de avaliação 360º

Ter um sistema de avaliação sofisticado é vital para conseguir uma avaliação justa e objetiva dos colaboradores, bem como para alcançar uma visão global dos pontos fortes e fracos dentro das empresas, permitindo agir atempadamente perante as situações. 

 

  1. People Analytics

“Ao ter a gestão de pessoas digitalizada, as empresas podem trabalhar os dados dos seus funcionários, o que pressupõe uma enorme vantagem, pois pode ser utilizada para uma gestão mais inteligente. Indicadores, análises-chave, dahsboards, snapshots, tudo isto é informação que permite tomar melhores decisões, mais precisas, rápidas e informativas. Mas há mais. Permite também monitorizar indicadores relacionados com os objetivos das organizações, avaliando o grau de satisfação, a motivação do pessoal e o nível de integração e identificação com a organização.”

Hoje em dia ninguém duvida que para ser rentável e ter qualidade, é necessário ter funcionários empenhados, satisfeitos e motivados.

Soluções como a Human Capital Management de PHC permitem-nos responder a estas novas necessidades e melhorar o recurso mais valioso das empresas: as pessoas.

Luís Antunes, explica tudo neste vídeo:

Como ser competitivo em 2023?

Desafios e ferramentas para as empresas

 

 

Já conhece o
PHC GO?

Gestão completa na cloud, faturação certificada, processos automatizados e tesouraria ágil
Software de gestão online para pequenas empresas

Este site requer um navegador mais atualizado para obter a aparência e usabilidade requiridas.

Para usufruir da melhor experiência e conhecer a PHC Software e os seus produtos, deverá aceder através de outro browser mais recente como Google Chrome, Firefox ou Safari.